Menu

Comissão da Verdade vai investigar documentos da CMJP à época da Ditadura

23/04/2015 - Notícias
Comissão da Verdade vai investigar documentos da CMJP à época da Ditadura

A Comissão Municipal da Verdade (CMV) do município de João Pessoa segue os trabalhos de investigação sobre violações dos direitos humanos e perseguições políticas durante o período da Ditadura Militar no Brasil (1964 a 1985). Uma das iniciativas mais recentes da Comissão foi uma reunião com o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), Durval Ferreira, que disponibilizou o pleno acesso dos pesquisadores à documentação do período.

Os membros da comissão começarão, nos próximos dias, a analisar atas, proposições e atos da mesa da Casa de Napoleão Laureano no período do regime militar.

Em São Paulo – O secretário da Transparência Pública de João Pessoa, Éder Dantas, representando a CMV, esteve recentemente em São Paulo e participou de reunião com a professora Teresa Lajolo, presidente da comissão municipal paulista. Na ocasião, ficou acertado um intercâmbio entre as duas informações, visando à troca de informações e de experiências no processo de investigação sobre a Ditadura.

A Comissão Municipal da Verdade de João Pessoa foi criada em março do ano passado, após aprovação na Câmara Municipal e instalada pelo prefeito Luciano Cartaxo. Seu objetivo é investigar as violações de direitos humanos e perseguições políticas ocorridas durante 1964 e 1985 em João Pessoa.

Fazem parte da CMV o professor Rodrigo Freire, Monique Cittadino e Nazaré Zenaide (UFPB) e a artista plástica Marlene Almeida. A Comissão tem sede no Paço Municipal (localizado na Praça Pedro Américo, 70 – Centro) – 1º andar e funciona vinculada à Secretaria da Transparência (Setransp).

%d blogueiros gostam disto: